48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal 48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal

48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal

min de leitura

Vigo tem mais encanto no Natal, e 11 milhões de luzes para o provar. Mas há muitos mais motivos para nos apaixonarmos pela cidade galega.


Publicado em 15-Dez-2023

“O Natal só começa quando Vigo se iluminar”, brincava o presidente da câmara antes de acender as mais de 11 milhões de luzes natalícias que iluminam agora a cidade. Mais do que em Nova Iorque.

Nos últimos anos, Vigo colou-se no mapa de Natal da Europa e tem vindo a atrair cada vez mais turistas nesta época, incluindo de Portugal, para quem é muito mais fácil dar um salto até à maior cidade da Galiza do que apanhar o avião para qualquer lugar no Norte da Europa. Este ano até temos uma árvore de Natal com 40,5 metros de altura, mais alta do que um prédio de 13 andares.

48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal | Unibanco

Dia 1

Sugerimos começar o passeio precisamente pela Praça Porta do Sol, onde poderemos ver não só à árvore de Natal gigante, como a estátua do Sereo, o homem-peixe. Bastante mais pequeno, mas definitivamente não menos importante, uma vez que é o monumento de Vigo por excelência. A escultura representa uma personagem imaginária, híbrido de peixe e de homem, com o objetivo de prestar homenagem à ligação da cidade ao mar.

48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal | Unibanco

Vigo, claro, é muito mais do que uma aldeia natalícia, e há inúmeras razões para nos enamorarmos, sobretudo ao caminhar pelas ruas do velho bairro histórico. A zona é perfeita para shopping, especialmente a rua do Príncipe, onde, mesmo que algumas lojas sejam nossas velhas conhecidas − não esquecer que a Zara é originária da Galiza –, ainda esconde muitas outras históricas e únicas. O melhor será deambular sem destino certo, até porque a zona é maioritariamente pedonal.

Na rua dos Cesteiros ainda é possível ver – e comprar – o trabalho de muitos artesãos, uma vez que o trabalho em vime é uma das atividades mais antigas e tradicionais da cidade, e por aqui chegamos também à Praça de Almeida, onde vamos encontrar a casa Torre de Ceta e Arines, o edifício mais antigo do bairro histórico e onde hoje funciona o nosso Instituto Camões.

48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal | Unibanco

Seguimos caminho para a rua de Pescaderia, que toda a gente conhece como rua das Ostras, precisamente porque é o local mais emblemático para degustar as magníficas ostras da Ria – acompanhadas por um bom Albariño. Para sentar e experimentar.

Por aqui perto fica ainda a Igreja de Santa Maria, a Concatedral de Vigo, e a sempre animada praça da Constituição, com as suas casas históricas e brasonadas, cujos alpendres albergam atualmente vários cafés. Por aqui fica também o antigo  ayuntamiento, hoje sede da Casa Galega da Cultura, onde pode ficar a conhecer melhor a história da região.

48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal | Unibanco

A árvore é, sem dúvida, uma das grandes atrações natalícias de Vigo, mas nem sequer é a mais alta, porque essa honra pertence à roda-gigante, com 54 metros de altura. Fica localizada na praça de Compostela, junto ao maior e mais emblemático Mercado de Natal, e de dia (ou de noite, sob uma perspetiva diferente), a roda é um miradouro incrível para a cidade e até para as famosas ilhas Cíes. 

Dia 2

48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal | Unibanco

Os mais adeptos de caminhadas ao ar livre e exploração da natureza devem definitivamente apanhar o ferrie para as ilhas Cíes. A viagem demora cerca de 45 minutos, mas apesar da proximidade à costa, as ilhas são um paraíso natural em estado pristino. Os únicos habitantes permanentes são os guardas e os caminhos entre os famosos faróis são muito procurados pelos turistas

48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal | Unibanco

Uma alternativa será optar por fazer uma caminhada subindo o Monte Castro. Localizado no centro da cidade, terá sido por aqui que começou a povoação de Vigo, e atualmente existe um site arqueológico que inclui a reconstrução de três edificações que nos mostra como era a vida dos habitantes dos castros há dois mil anos. A subida do monte pode cansar um pouco, mas a vista no topo compensa largamente − e quem preferir pode optar pelo transporte particular ou público. No topo fica também o Castelo Castro, construído para defesa contra os ataques portugueses e ingleses durante a guerra da Restauração. É um dos monumentos mais visitados e, onde, apesar do passado militar, podemos desfrutar de magníficos jardins.

Em qualquer dos casos, os passos seguintes devem ser dados pelo passeio marítimo, junto à famosa ria, famosa pelas enormes obras de arte públicas, em que não falta sequer a estátua de Júlio Verne, que imortalizou este porto em 20 mil léguas submarinas.

48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal | Unibanco

Continuando o passeio cultural, não deixe de visitar o Museu do Mar, uma maravilha da arquitetura moderna na qual se revelam os segredos da ligação de Vigo ao mar e às artes de pesca, assim como o MARCO, uma velha prisão transformada em museu de arte contemporânea. Sempre a ver as luzes. 

48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal | Unibanco

Uma das mais famosas luzes de Natal de Vigo é a conhecida Bola de Navidad, aka Estrela da morte, pelas semelhanças com essa outra estrela da saga Star Wars. Localizada entre as ruas Urzáiz e Príncipe é um dos locais mais instagramados.

Onde Comer

Vigo pode orgulhar-se da sua cena gastronómica, rica em produtos do mar, muito especialmente as ostras e o polvo, mas também da terra.  

 Filipo
Para um lanche a meio do dia, Filipo é perfeita para sentar, descansar e tomar um chocolate quente com churros.

48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal | Unibanco

La Marina
Com mais de 100 anos e história, foi um dos restaurantes que mais fez por colocar a Rua das Ostras no mapa. Para experimentar as ostras, evidentemente, e também outras especialidades, como as Parrilladas de Marisco.  

48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal | Unibanco

Silabario
Uma arrojada cúpula em triângulos de vidro marca a Sala do Silabário, um dos restaurantes mais criativos de Vigo. A localização no coração da cidade, na sede do Celta de Vigo, ajuda. Tem uma estrela Michelin, mas também uma opção de 32 euros que está entre as mais em conta em qualquer restaurante com estrela Michelin na Europa.

Casa Obdulia
Um pouco afastado do centro, mas a merecer visita, porque na Casa Obdulia come-se muito bem. Pratos tradicionais, cozinha de autor e de mercado, com os produtos mais frescos, de um chef que trabalhou em vários espaços com estrela Michelin até regressar para tomar conta do restaurante dos pais. Calle Avenida de Galicia 140, Vigo. Tel: 986 45 26 30

Onde Ficar

48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal | Unibanco

Gran Hotel Nagari Boutique & Spa
Em plena Praça de Compostela, dificilmente podia ter melhor localização. Ainda por cima conta com garagem, o que é perfeito para quem vá de automóvel.  Moderno, o serviço é cinco estrelas e no topo conta com um rooftop e piscina infinita, com vista para a baia. Preços desde 106 euros.

48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal | Unibanco

Eurostars Mar de Vigo
É um dos hotéis mais recentes de Vigo. Marcado por linhas minimalistas e quartos espaçosos. Fica situada na Av da Beira Mar, na primeira linha do Porto, e não sendo glamorosa e é perfeitamente central. Preços desde 54 euros.

48 horas em… Vigo, a cidade que brilha mais no Natal | Unibanco

NH Collection Vigo
Em pleno Casco Vello, a localização é perfeita. E o edifício, do início do século passado, oferece a dose certa de romantismo à experiência. Um NH premium e excelente no serviço. Preços desde 116 euros.

Por C-Studio / Cofina Media

Club7, mais do que um clube

Club7, mais do que um clube

Carolina Melo Duarte e Bruno Nunes contam como foi transformar um santuário de bem-estar em algo ainda mais completo e único.