Dicas e Inspiração: como fazer uma cozinha moderna Dicas e Inspiração: como fazer uma cozinha moderna

Dicas e Inspiração: como fazer uma cozinha moderna

Dicas e Inspiração: como fazer uma cozinha moderna

Cozinhas claras maximizam a sensação de espaço. Escuras tornam-se mais agradáveis como espaços de convívio. Se acha que está na altura de ter a sua cozinha de sonho, nós podemos ajudar.


Publicado em 08-Out-2020

Ultimamente temos passado um tempo anormalmente alto em casa. Boa parte dele a cozinhar, pelo que é seguro afirmar que as cozinhas são uma das grandes vítimas do Covid. Será por isso da mais elementar justiça receberem como prémio uma merecida remodelação. A questão é: até que ponto? Basta uma simples decoração feita com alma, ou será preciso ir mais fundo? E quanto custa remodelar uma cozinha?

A pergunta tem tanto de importante como de irrelevante. Afinal, uma remodelação pôde custar muito ou pouco, consoante as disponibilidades financeiras de quem se propõe a fazê-la. Se não, tomemos como exemplo um simples lava loiças, numa única loja – a insuspeita Ikea. Tanto pode custar 32 como 275 euros… Mesmo assim será seguro afirmar que esta será sempre uma das divisões da casa mais caras de remodelar, sobretudo se incluir canalizações ou se trocar de eletrodomésticos.

Dicas e Inspiração: como fazer uma cozinha moderna | Unibanco

O passo seguinte será, portanto, estabelecer um teto orçamental, com base no qual serão tomadas as restantes decisões. É importante manter-se fiel a este número, para evitar arrependimentos futuros. Considere também um valor de contingência – digamos 10% do valor da obra? – para fazer face aos imprevistos que possam surgir. Se no fim não o tiver utilizado considere-o como um merecido bónus!

Obras

Já toda a gente ouviu falar de empreiteiros que deixaram a obra a meio, não cumpriram prazos nem orçamentos, sempre com grande prejuízo para os proprietários. Por isso, se vai realizar uma remodelação total todos os cuidados são poucos (se não pode saltar diretamente para o ponto seguinte, a Decoração) e antes de fechar negócio com a empresa (ou pessoa) que vai fazer a obra certifique-se de:

  • Pedir vários orçamentos. Três é de rigor. Escolha um empreiteiro com alvará certificado pelo IMPIC.
  • Não trate de tudo por telefone. Faça entrevistas pessoais.
  • Siga as recomendações de familiares e amigos.
  • Peça o contacto de anteriores clientes para pedir referências e procure possíveis comentários online.
  • Assine sempre um contrato com prazos, valores, e responsabilidades (por exemplo em materiais) bem definidas, assim como as penalidades para o incumprimento. Cumpra escrupulosamente a sua parte para poder exigir o mesmo.
  • Desconfie de orçamentos demasiado baratos ou vagos. Geralmente não comtemplam valores que vão surgir mais à frente.
  • Pague sempre os impostos. Por muito tentador que seja excluir 23% ao valor, essas obras “não existem” e prejudicam as suas chances de colocar o empreiteiro em tribunal.  
  • Verifique as coberturas do seu seguro.

Decoração

Já fez obras ou não precisa fazer? Basta “trocar uns armários” para dar uma alma nova à cozinha? Então a tarefa pode ser mais simples do que pensa, já que existem várias empresas prontas a facilitar esse trabalho. A já referida Ikea é uma delas e a Leroy Merlin outra. Ambas oferecem planificadores online e empregados nas lojas prontos para ajudar nesse processo, tal como a Kinda Home tem um serviço de cozinhas por medida, feitas em fábricas nacionais. São talvez os exemplos mediáticos, mas estão longe de serem os únicos.  

O gosto pessoal vai comandar a renovação, mas para se inspirar e usar, aqui ficam algumas das principais tendências em decoração:

All(most) black

Muitas cozinhas modernas apostam no preto, em armários, bancadas e até eletrodomésticos. Geralmente utilizado em contraste com outro elemento, como a madeira natural.

Ficamos em branco

O branco não é novidade nenhuma, mas continua a ser uma das opções mais procuradas e utilizadas por designers, sobretudo em cozinhas mais estreitas, pela forma como maximiza a sensação de espaço. No entanto, e para que não fique demasiado aborrecido, é importante combinar outros tons e materiais, como a madeira (mais uma vez) ou uma cor forte na parede e até no teto.

Português suave

Muitos ateliers apostam em cores suaves também na cozinha, para transmitir uma sensação agradável de calma e conforto.

Todos os tons de azul

Como se pode ver em inúmeros posts de instagram, revistas da especialidade e marcas de renome, as cozinhas podem ser de qualquer cor… desde que sejam azuis. Todos os tons de azul, sendo que os mais escuros promovem a confraternização, e os mais suaves a descontração.

View this post on Instagram

Hello from @GuildAnderson, we are extremely excited to be taking over @thelistbyhouseandgarden Instagram feed today and showing you a little of what our remarkable 17 year old company achieves from our workshop and design studio in Wiltshire. This exciting project was designed by Nick Anderson with Jess Thomas from Sand Interiors for her own home. Jess had a strong vision for her light and contemporary kitchen, and this fabulous hand-painted Bucknowle kitchen by Guild Anderson more than met the brief.⠀ ⠀ With @gaggenauofficial, @fisherpaykel @barazzasrl appliances and a Quooker Flex tap refinished in brass to match the Buster + Punch handles, and a mix of both composite CRL Stone and Carrara marble worktops, this kitchen blends modern aesthetics with high-quality handmade English cabinetry, resulting in a beautiful space for Jess and her family to relax, cook and entertain.⠀ ⠀ #TheListbyHouseandGarden #TheList #HouseandGarden #GuildAnderson #kitchens #kitchendesign #interiors #GuildAndersonkitchens #designinspiration #interiordesign #madeinengland #thelistbyhouseandgarden #_sand_interiors #carraramarble

A post shared by The List by House & Garden (@thelistbyhouseandgarden) on

Faça-se luz

A iluminação é fundamental, e infelizmente não existe uma luz para tudo. Comece por considerar uma luz ambiente, em tons quentes. Já nas áreas de trabalho é importante que esteja à nossa frente, não atrás, para não projetar uma sombra em frente. Esta luz pode ser mais clara e fria (mas nunca em demasia). Considere ainda incluir um regulador de intensidade, para conseguir uma luz mais ténue à noite ou embutir luz nos armários, que se ligue quando abre a porta.

Conte com o UNIBANCO

Se estas dicas lhe deram vontade de fazer uma renovação à sua cozinha, saiba que pode contar com o UNIBANCO para o apoiar. Para este e outros projetos, faça aqui a sua simulação!

Por C-Studio / Cofina Media