Vinhos para um jantar romântico Vinhos para um jantar romântico

Vinhos para um jantar romântico

min de leitura

Sugestões para os seus jantares a dois durante este mês.


Publicado em 10-Fev-2023 por José Miguel Dentinho, jornalista

É verdade que os jantares românticos não precisam de ser marcados no calendário. Bastam a companhia certa, a vontade para que isso aconteça, e pode ser em qualquer dia. Mas é bom haver uma data marcada no calendário, como acontece este mês, para relembrar os mais esquecidos que é bom parar para conversar.

Ao fim de semana é sempre melhor, principalmente se isso acontecer em casa, porque há tempo para imaginar o que se vai fazer e como, para ir à praça, à mercearia ou ao supermercado comprar tudo e fazer ao fim do dia. A outra opção é ir ao restaurante, o que é sempre bom, principalmente naqueles onde se cozinha bem e nós sabemos isso, porque deixa todo o tempo para boa conversa a dois enquanto se saboreia o que vem da cozinha e o vinho que se escolheu, que é, para mim imprescindível.

Porque fevereiro é o mês do Dia dos Namorados, e porque já estou a pensar no que vou preparar para esse jantar, e quais as companhias de vinhos que vou escolher, decidi fazer uma pequena seleção entre os que provei mais recentemente. Um espumante bruto de qualidade, porque é imprescindível na minha mesa. O branco da casta Riesling, porque é grande companhia para mariscos, crus ou cozidos. Os dois tintos, porque são parceiros de pratos diferentes de carne e é importante que, nestes dias, se coma o que apetece mesmo. O vinho do Porto, porque este é surpreendente e único, e será uma excelente companhia para quando se prolongar o tempo à mesa para lá da refeição.

Espumante Côto das Mamoelas Grande Reserva

Produtor: Provam
Casta: Alvarinho
Ano de colheita: 2015

No aroma deste vinho da região dos Vinhos Verdes, salientam-se notas de biscoito e brioche, de pão acabado de fazer, e ainda algum citrino. Na boca, é fino e fresco, com boa mousse de bolhas e um final longo e agradável. Um bom vinho para apreciar com ostras acabadas de abrir e o recheio de uma santola da nossa costa bem cheia. Sirva-o a 8 ºC no copo.

Vinhos para um jantar romântico | Unibanco

Vinhos para um jantar romântico | Unibanco

Casa Altas Riesling

Produtor: Casas Altas
Casta: Riesling
Ano de colheita: 2020

Vinho branco da Beira Interior, de aroma fino, fresco em que se salientam notas citrinas e minerais. Na boca, tem frescura e alguma textura, e um final longo com notas minerais. É um vinho que é bom parceiro para pratos de peixe e marisco. Sugiro a companhia, já que é para um jantar a dois, de gambas frescas ou de um lavagante cozido em casa, com ou sem maionese, seguido de uma canja de amêijoas ou berbigão e arroz. Sirva-o a 10 ºC no copo.

Vinhos para um jantar romântico | Unibanco

Vinhos para um jantar romântico | Unibanco

Marmelar Tinto

Produtor: Casa Agrícola Herdade do Monte da Ribeira
Castas: Alicante Bouschet, Petite Syrah e Petit Verdot
Ano de colheita: 2018

Tinto elegante, fresco, com aromas nos quais se salientam notas de fruto preto e silvestre, caixa de charuto e frutos secos. Boca fresca e elegante, com estrutura de tanino fino e alguma textura, e um final longo com persistência de notas de fruta e madeira. Um vinho para pratos de carne cozinhados, que pode ser apreciado com sabores tentadores como uma feijoada de lebre ou ensopado de borrego, por exemplo. Servir a 18 ºC.

Vinhos para um jantar romântico | Unibanco

Vinhos para um jantar romântico | Unibanco

Quinta da Gaivosa Vinha de Lordelo

Produtor: Alves de Sousa
Castas: Mais de 30 de uma vinha velha com 120 anos
Ano de colheita: 2019

Vinho tinto do Douro de aroma contido, em que se salientam notas de fruta vermelha, geleia e madeira. Boca com estrutura de tanino fino, elegante e fresca, levemente salgada, com um final longo e persistente. Um vinho para a companhia de carnes vermelhas, que sugiro para um fondue de carne de vaca com molhos em que predomine o alho, a pimenta-preta e o ketchup, por exemplo. A batata frita é imprescindível e, para mim, espargos brancos e alguma fruta. Depois, pouca luz para inspirar uma boa conversa a dois em tempo de partilha. Sirva-o a 18 ºC no copo, de preferência decantado.

Vinhos para um jantar romântico | Unibanco

Vinhos para um jantar romântico | Unibanco

Porto Vieira de Sousa Colheita 2003

Produtor: Vieira de Sousa
Castas: Malvasia Fina, Rabigato, Verdelho e Gouveio
Ano de colheita: 2003

Vinho do Porto branco da colheita de 2003, envelhecido em tonéis, de aroma fresco, complexo, em que se salientam notas passa de fruta de caroço, mel e frutos secos. Na boca, é doce e fresco, envolvente, tem corpo e um final muito longo. Um vinho para terminar a refeição na companhia de alguns queijos, uma tarte ou um crumble de maçã ou um queijinho de amêndoa do Algarve, uma bela escolha para o final de um jantar a dois. Sirva-o a 14-16 ºC.

Vinhos para um jantar romântico | Unibanco

Vinhos para um jantar romântico | Unibanco

Por C-Studio / Cofina Media

“As peças têm de dizer alguma coisa. Não vale a pena entrar em modas”

“As peças têm de dizer alguma coisa. Não vale a pena entrar em modas”

Ding Dong. Soa a campainha, mas é a password para o universo de Michael Miranda e Davide Gomes, a dupla de designers de interiores mais criativa do país.