“A sustentabilidade está no ADN da José Maria da Fonseca há décadas” “A sustentabilidade está no ADN da José Maria da Fonseca há décadas”

“A sustentabilidade está no ADN da José Maria da Fonseca há décadas”

min de leitura

António Maria Soares Franco explica a importância da sustentabilidade para uma empresa de vinhos gerida pela sétima geração da mesma família.


Publicado em 18-Jan-2023

“Fazer vinho é relativamente simples, só os primeiros 200 anos é que são mais difíceis”. A acreditar na famosa frase da baronesa Phlippine de Rothschild, já podiam começar a tirar férias na José Maria da Fonseca. Com quase 190 anos de história, é a empresa de vinhos de mesa mais antiga de Portugal e, curiosamente, nunca saiu das mãos da mesma família… um caso raro de longevidade familiar e empresarial.

O problema, como os Soares Franco tão bem sabem, é que a frase está repleta de ironia e por isso há que continuar a trabalhar arduamente para assegurar o sucesso e o legado da empresa para as gerações futuras. E isso, atualmente, passa sem sombra de dúvida pela sustentabilidade como nos confidenciou António Maria Soares Franco neste Conversas Curtas. Responsável pela Área Comercial e de Marketing da JMF, António Maria pertencente já à sétima geração da sua família ao leme da empresa, que continua a ter no pai António e no tio Domingos Soares Franco as duas maiores referências.

Nesta breve conversa, António Maria conta-nos tudo o que a José Maria da Fonseca está a fazer em prol do meio ambiente, da Península de Setúbal ao Alentejo e ao Douro − o que lhes valeu terem sido o primeiro produtor de vinho português certificado pela FAIR’N GREEN. Uma certificação sem dúvida importante pelo peso que representa junto dos mercados do norte da Europa, mas também pelo reconhecimento do trabalho realizado em prol desta e das futuras gerações.

Por C-Studio / Cofina Media

Vítor Sobral, um chef na primeira pessoa

Vítor Sobral, um chef na primeira pessoa

Aos 55 anos é uma referência gastronómica e um dos nossos cozinheiros mais famosos, mas o seu segredo é muito simples: “fazer com que as pessoas comam bem”