10 ideias para decorar casas pequenas 10 ideias para decorar casas pequenas

10 ideias para decorar casas pequenas

Uma casa pequena é um desafio em termos de decoração, mas não é difícil tirar o máximo partido com algumas ideias inteligentes


Publicado em 27-Jan-2021

Conseguir viver numa casa pequena, com tudo o que (julga) necessitar não é fácil.  Mais difícil ainda será fazer com que pareça um sítio bonito e agradável, e não um lugar acanhado e atravancado de peças. E no entanto, com algumas boas ideias é possível, sim, criar um espaço onde toda a família se sinta bem. Sem gastar um dinheirão, claro. Vamos guarda-lo para comprar uma casa maior..

1 Vire um Fernando Santos

Há um número limitado de peças que se conseguem colocar num espaço limitado. E nada transmite mais a ideia de pequenez do que uma casa cheia de objetos sem qualquer conexão entre eles. Assim, e por muito “amor” que possa ter àquela peça de família ou àquela outra que comprou na viagem ao México, lembre-se que nem tudo precisa de estar à mostra. Ter uma casa pequena obriga a fazer escolhas, no caso objetos que liguem bem entre si, tal como os jogadores de uma equipa de futebol.

2 Opte por mobiliário modular

Provavelmente precisa de uma secretária – precisa quase de certeza neste tempo de pandemia -, mas o tempo todo? E o mesmo vale para uma mesa de jantar, por exemplo, ou uma, duas e até três camas, se a família for muito numerosa. Sempre que possível, escolha mobiliário retrátil como a escrivaninha de parede que pode fechar, como a da imagem de abertura à venda na La Redoute.  

3 Espelho meu, espelho meu, há alguma sala maior…

Uma parede de espelhos – ou um grande espelho – vai dar a impressão de que ganhou uns quantos metros extra na sala. Além disso, os espelhos são excelentes para refletir a luz do sol, o que em casas com pouca luz vai encher a divisão com luz natural. E isso também ajuda a aumentar a sensação de espaço.

4 Mantenha tudo organizado

Desperdiçar é um luxo que não se pode dar numa casa pequena. Logo, terá de aproveitar ao máximo o espaço de arrumação que dispõe, especialmente na cozinha, onde existem várias soluções para guardar pratos e copos, tampas, ou artigo de dispensa nos poucos armários que existem.  

5 Luzes no teto e na parede

As chamadas luzes de secretária obrigam a… já adivinhou, uma mesa. Num espaço acanhado deve, sempre que possível, optar por luzes de teto ou parede, porque assim não ocupa espaço nem no chão, nem nas mesas, prateleiras, armários, etc. Espaço que pode utilizar para outra função qualquer. Parece pouco, mas lembre-se do ditado: “grão a grão enche a galinha o papo”.

6 Mobiliário inteligente

Escolha peças de mobiliário que permitam espaços de arrumação escondidos: camas com gaveta, otomanos e puffs onde possa fuardar almofadas e mantas, mesas de centro com arrumação para revistas… Cada peça em sua casa, além de bonita deverá ter uma função

7 Cortinados até lá acima

Montar os cortinados o mais perto possível do teto é, possivelmente, uma das formas mais simples e fáceis de fazer com que parecem mais altos. Muitos cometem o erro de montar logo por cima da janela, não o faça. Tal como devemos igualmente deixar algum espaço em ambos os lados, para que a janela pareça mais larga e entre mais luz.

9 A TV vai para a parede

Numa casa pequena as paredes vão ser muito mais utilizadas. E como O armário multimédia é uma das peças que mais atravanca a sala, pelo que o ideal seria abdicar dele completamente. E para isso nada melhor do que pendurar a televisão na parede, ou até por cima da lareira.

10 Até ao teto também é casa

Ao utilizar melhor o espaço perto do teto consegue libertar mais espaço cá em baixo, onde ele é mais valioso. Crie arrumação feita á medida, ou leve os seus armários mesmo até lá a cima, o que ainda aumenta a sensação de altura da casa.

10 Destrua muros, levante paredes

Nada engrandece mais a casa do que um open space. Assim, sempre que seja possível, deite paredes a baixo e alargue os horizontes dentro de casa. Ligando, por exemplo, a sala e o quarto, ou a cozinha e a sala. Ao tempo, crie depois alguma solução – como paredes de vidro, cortinados, ou portas de correr – para poder criar momentos de privacidade quando estes forem necessários.

Conte com o UNIBANCO

Se estas ideias lhe deram vontade de renovar a sua casa, saiba que pode contar com o UNIBANCO para o apoiar. Para este e outros projetos, faça aqui a sua simulação!

Por C-Studio / Cofina Media